Após ser atingida por enchente, São João Batista ainda precisa de voluntários e donativos

Comitê de gestão de crise atualizou plano de ação para recuperação do município

Após ser atingida por enchente, São João Batista ainda precisa de voluntários e donativos

Comitê de gestão de crise atualizou plano de ação para recuperação do município

Redação

Após a grande enchente que atingiu São João Batista na última semana, a cidade segue trabalhando na limpeza das ruas e no auxílio humanitário às famílias afetadas.

A prefeitura decretou situação de calamidade pública na quinta-feira, 1. O rio Tijucas, que corta a cidade, chegou a atingir o nível de 9,16 metros durante o dia. Em apenas 24 horas, o nível subiu mais de seis metros.

A estimativa é que cerca de 15 mil pessoas tenham sido afetadas, com a enchente ocupando quase 85% do território batistense. Ao menos 700 pessoas foram levadas para abrigos emergenciais da Defesa Civil.

O comitê de gestão de crise divulgou neste sábado, 3, atualização do plano de ação para recebimento e distribuição de donativos, além da retirada de entulhos e sujeira das vias públicas. Confira:

Recebimento de donativos

As principais demandas do momento são café, azeite, açúcar, leite, kits de higiene, roupas de cama, colchões e produtos de limpeza. Eles devem ser entregues no Centro de Eventos, na avenida Egídio Manoel Cordeiro, 271, Centro.

Prefeitura de São João Batista/Divulgação

Dez equipes (compostas por um assistente social, um voluntário e um motorista) passarão de casa em casa para verificar a situação de cada família, se já tem cadastro efetuado junto à Assistência Social e efetuar a entrega dos itens necessários.

Os atingidos receberão alimentos, kits de limpeza, colchões e água potável direto nas residências, conforme disponibilidade. Já roupas e roupas de cama estão disponíveis para retirada no Ginásio Novo Manecão, com funcionamento das 6h às 18h.

Voluntários

Pessoas que possam auxiliar na organização das atividades e na limpeza da cidade devem se apresentar na prefeitura, localizada na rua João Vicente Gomes, 89, no Centro. Um profissional está recebendo e direcionando os voluntários.

No Salão Paroquial da Igreja Matriz, no Centro de Eventos ou no Ginásio Novo Manecão também é necessário apoio.

Abrigos institucionais

Não haverá mais distribuição de donativos nos abrigos. Será encaminhado para cada um dos abrigos os itens necessários para atender as pessoas lá abrigadas. Antes de retornarem para as suas residências, as famílias que necessitarem receberão cestas básicas e kits de limpeza, conforme disponibilidade.

Abrigos institucionais em operação:

– Escola Professor Patrício Teixeira Brasil (Centro)

– Escola Monsenhor José Locks (Ribanceira do Sul)

– Escola Catarina Deschamps Steffen (Cardoso)

– Escola Darci de Brito Maurici (Timbezinho)

– Escola Prefeito Sinézio Octaviano Dadam (Centro)

– Escola de Educação Básica São João Batista (Centro)

A distribuição de marmitas para os abrigos (conforme necessidade informada por cada coordenador), equipes de trabalho e famílias afetadas sem condições de cozinhar em casa acontece no Salão Paroquial da Igreja Matriz. O local também aceita doações de marmitas prontas para distribuição. Funcionamento das 7h30 às 21h.

Doações em dinheiro

A prefeitura também está recebendo doações em dinheiro por PIX ou depósito bancário:

CNPJ 82.925.652/0001-00

Banco do Brasil
Ag: 2629-8 Conta corrente: 135296-2
Prefeitura Municipal

– Assista agora:
Confira dicas para decorar sua árvore de Natal e fazer laços decorativos

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo