+

El Niño: veja quando o fenômeno deve começar a atuar em SC

Projeções mais avançadas apontam para um clima problemático em agosto no estado

El Niño: veja quando o fenômeno deve começar a atuar em SC

Projeções mais avançadas apontam para um clima problemático em agosto no estado

As últimas projeções anunciadas pelos profissionais em meteorologia apontam para um começo de atuação de forma mais incisiva do fenômeno El Niño em SC ainda na primeira quinzena do mês de agosto que se avizinha. Portanto, a atenção em relação a condições adversas do tempo deve passar a ser considerada com mais evidência.

As previsões indicam impactos significativos no estado, incluindo mudanças no padrão de chuvas e temperatura. E, diante desse cenário, é fundamental que a população esteja preparada para enfrentar possíveis desafios que possam surgir.

Para falar a respeito dessa síntese apresentada acima, buscamos o conhecimento do renomado especialista da Climaterra, Ronaldo Coutinho, que gentilmente nos concedeu uma entrevista exclusiva. Então, confira no boletim exposto a seguir as informações valiosas compartilhadas por ele.

Impactos do fenômeno

Prognósticos preocupantes surgem à medida que nos deparamos com os possíveis impactos futuros do El Niño. No entanto, até o momento, o fenômeno não demonstrou seus efeitos em SC, o que é um alívio ao considerar danos e transtornos.

Porém, é importante estar ciente de que as projeções mais avançadas já sinalizam para um início iminente de seus efeitos no estado. Então, é fundamental que estejamos preparados e atentos às atualizações da meteorologia, porque a prevenção é a chave para minimizar os possíveis impactos negativos.

Entre os dias 7 e 10 de agosto, SC pode enfrentar uma condição severa do tempo, e não podemos descartar a possibilidade da atuação de um ciclone, o que torna a situação ainda mais preocupante. Além disso, há a expectativa de chuvas mais volumosas durante esse período.

Porém, só poderemos avaliar melhor se essa situação trará ou não transtornos quando estivermos mais próximos da data. Até o momento, as projeções já sinalizam para uma situação complicada, isso, já por conta do El Niño.

Fenômeno e o aumento da chuva

Quando observamos a sequência do mês de agosto, avançando em direção à segunda quinzena, podemos perceber que os modelos meteorológicos sinalizam um aumento nos volumes de chuva em SC, tanto em termos de intensidade quanto de frequência. Além disso, a probabilidade de ocorrência de eventos climáticos severos também se eleva.

Portanto, é essencial estarmos preparados para lidar com possíveis desafios climáticos que podem surgir nesse período vindouro. A previsão de precipitações mais intensas demanda uma atenção especial das autoridades e da população, devido às suas consequências, o que pode trazer impactos significativos para a comunidade.

É verídico que o fenômeno El Niño tem previsão de continuar agindo em todo o planeta até pelo menos o verão de 2024. Então, toda informação que demande prevenção é bem-vinda. Isso explica porque estamos fazendo o nosso papel de conscientização.

*Com informações: Ronaldo Coutinho/Climaterra


Assista agora mesmo!

Palacete Schlemm: a mansão de 1930 com detalhes criados por artista alemão:

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo