+

Deslizamento na BR-376 pode ter soterrado mais de 20 veículos em Guaratuba

Trabalho de resgate é de longo prazo, alertam forças de segurança locais

Deslizamento na BR-376 pode ter soterrado mais de 20 veículos em Guaratuba

Trabalho de resgate é de longo prazo, alertam forças de segurança locais

Redação O Município Joinville

Cerca de 20 veículos podem ter sido soterrados no deslizamento na BR-376 nesta segunda-feira, 28, em Guaratuba, no Paraná. Segundo o governo do estado do Paraná, a estimativa é que seis carretas e de dez a 15 outros veículos tenham sido soterrados pela lama, que atingiu um trecho de cerca de 200 metros nos dois lados da pista. Até o momento, uma morte foi confirmada.

As informações sobre a operação de resgate foram divulgadas em coletiva de imprensa nesta terça-feira, 29. Estão no local 54 bombeiros, três cães farejadores e equipes da Defesa Civil, além de engenheiros da Arteris Litoral Sul e equipes da Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal. O Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina auxilia na ocorrência.

Conforme boletim divulgado pelo Corpo de Bombeiros do Paraná às 14h desta terça-feira, até o momento cinco vítimas foram atendidas desde o início das operações e há uma morte confirmada. As equipes trabalham na remoção de materiais. A massa deslizada ainda está instável e geólogos acompanham as equipes para o avanço do trabalho. Ainda não há estimativa de quantidade de desaparecidos. Um novo boletim deve ser divulgado às 15h30.

O local é de difícil acesso e as chuvas que ainda caem na Serra do Mar prejudicam os trabalhos de avaliação dos danos. Imagens divulgadas pelo governo do estado mostram o estrago. 

Por ordem do governador Carlos Massa Ratinho Junior, um gabinete de crise foi criado para agilizar os atendimentos às vítimas e concentrar as tomadas de decisões das equipes estaduais.

O secretário estadual da Segurança Pública, Wagner Mesquita, pediu para que a população não se desloque até o Litoral porque ainda há risco de novos deslizamentos. O gabinete de crise vai divulgar boletins diários com atualizações sobre a tragédia, mantendo a população informada sobre a situação.

“As instituições operacionais atuaram desde o primeiro momento e passaram a madrugada fazendo o possível para atender essa situação”, afirmou Mesquita. “Vamos trabalhar de forma ininterrupta, inclusive na divulgação de informações atualizadas para a população. Mas precisamos lembrar que esse é um trabalho de longo prazo”.

Desvio

No momento, o único trajeto disponível para acessar o litoral paranaense é pela BR-116, sentido Rio Negro, e daí seguindo para Joinville antes de retornar ao Paraná, passando por Garuva.

O DER-PR recomenda que, caso seja possível, os usuários evitem se deslocar rumo ao Litoral paranaense enquanto a situação não é amenizada, uma vez que a previsão de mais chuvas está mantida pelos próximos dias, o que, além de agravar a situação, prejudica os serviços de recuperação das rodovias.

Segundo a PRF, também houve interdição parcial no km 58 da BR-116, em Campina Grande do Sul, sentido Curitiba. Foi interditada a pista sentido São Paulo no km 51 da mesma rodovia. Usuários devem procurar caminhos alternativos para fazer essa ligação.

Chuvas

Segundo o Simepar, choveu mais de 150 mm na Serra do Mar entre sábado e segunda-feira. Nas últimas 72h o acumulado já ultrapassou os 200 mm em alguns pontos da região litorânea.

Leia também:
1. Corpo de Bombeiros de Santa Catarina atualiza detalhes sobre deslizamento na BR-376
2. VÍDEO – Confira imagens da atuação dos bombeiros em deslizamento na BR-376
3. Bombeiros confirmam primeira morte em deslizamento da BR-376, em Guaratuba
4. Após deslizamento de terra na BR-376, Arteris divulga rotas alternativas entre PR e SC
5. Jovem dá à luz em banheiro e mata recém-nascido com facada em Santa Catarina

– Assista agora:
Região de Joinville já era habitada há 10 mil anos: conheça os quatro povos anteriores à colonização

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo