+

IPTU em Joinville: imóveis registrados como patrimônio cultural podem pedir dedução

Desconto pode chegar a 100%

IPTU em Joinville: imóveis registrados como patrimônio cultural podem pedir dedução

Desconto pode chegar a 100%

Isabel Lima

Os proprietários de imóveis registrados como patrimônio cultural de Joinville podem iniciar o processo para solicitar a dedução ou isenção do pagamento de IPTU junto à Prefeitura até 30 de junho de 2023.

O desconto no imposto será aplicado em 2024, podendo chegar a até 100%, a depender de cada caso. Para isto, o imóvel precisa estar em bom estado de conservação para ter direito ao benefício, cumprindo os dispositivos previstos na lei complementar 366/2011, que trata da questão.

Como solicitar

  • 1. Para solicitar isenção ou dedução do IPTU, é necessário solicitar um parecer favorável junto à Coordenação de Patrimônio Cultural de Joinville (Centreventos Cau Hansen, Av. José Vieira, 315 – América). O atendimento para fazer a requisição é de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, e o telefone para contato é (47) 3433-2190 – ramal 239.
  • 2. Após a realização do requerimento, a Coordenação de Patrimônio Cultural de Joinville irá agendar uma visita técnica, caso seja necessário acessar o interior do imóvel.
  • 3. A visita será realizada por um ou mais servidores da Secretaria de Cultura e Turismo de Joinville. A vistoria será para observar o estado de conservação e a comunicação visual/instalação de toldos, conforme preveem os artigos 24 e 25 da Lei Municipal 363/2011.
  • 4. Após a vistoria, a Coordenação de Patrimônio Cultural de Joinville irá emitir um parecer sobre a conservação do imóvel. O parecer será apresentado em reunião à Comissão do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Natural do Município de Joinville, formada por especialistas da área que fazem parte da Prefeitura de Joinville e da sociedade civil, para garantir a transparência do processo.
  • 5. Após aprovação pela Comissão, o proprietário receberá o documento que permite a solicitação do pedido de isenção (valor total) ou dedução (valor parcial) do IPTU sobre o imóvel. O requerimento é feito à Secretaria da Fazenda de Joinville por meio do site da Prefeitura. Basta digitar no campo de busca do site “Requerer Isenção de IPTU”.

É importante salientar que quem fez o processo nos anos anteriores deve verificar o prazo de validade do documento emitido pela Secretaria da Fazenda, uma vez que não é necessário fazer o requerimento anualmente, somente quando finalizar o prazo estabelecido pelo órgão.

  • 6. Após aprovação na Secretaria da Fazenda, é emitido um documento que valida a isenção ou dedução do IPTU sobre o imóvel por um prazo de cinco anos. Caso seja verificada negligência na conservação do imóvel neste período, o benefício poderá ser revogado antes do fim deste prazo.

Imóveis tombados

Atualmente, Joinville conta com cerca de 200 imóveis tombados e/ou inventariados. A inclusão de bens no Inventário do Patrimônio Cultural Material é realizada com base em critérios, como valor urbanístico, valor arquitetônico, valor histórico-cultural e valor singular, conforme a lei complementar 363/2011.

A lista dos imóveis com proteção cultural é pública e pode ser acessada no site da Prefeitura de Joinville.

Leita também:
1. Suspeitos de esfaquear e matar homem em Garuva são detidos
2. Céu encoberto marca tempo em Joinville nesta segunda-feira
3. Atletas paralímpicos de Joinville conquistam oito medalhas em competição nacional de natação
4. Em oito horas, duas tentativas de homicídios são registradas em Joinville
5. Resultado Trimania: quatro moradores de Joinville são sorteados e ganham mais de R$ 32 mil neste domingo


Palácio Episcopal foi construído para primeiro bispo de Joinville, inspirado no estilo barroco:

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo