+

Justiça suspende nomeação de filho de governador como secretário da casa civil

Decisão foi publicada na noite desta quinta-feira

Justiça suspende nomeação de filho de governador como secretário da casa civil

Decisão foi publicada na noite desta quinta-feira

Yasmim Eble

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJ-SC) suspendeu a nomeação de Filipe Mello, filho do governador Jorginho Mello (PL), como secretário de Estado da Casa Civil. A decisão foi publicada na noite desta quinta-feira, 4.

A liminar foi concedida em resposta ao mandado de segurança apresentado pelo PSOL. No documento, de 17 páginas o desembargador cita súmula que exclui das hipóteses de nepotismo a nomeação de parentes em cargos políticos de confiança.

Porém, ele considera que a decisão “viola os princípios da moralidade e da impessoalidade resultado em nepotismo”. É relatado também que “ainda que se trate de um cargo de natureza política, o seu preenchimento deve ser feito de modo a atender ao interesse público, por pessoas qualificadas e capacitadas para o seu exercício”.

É acrescentado que, mesmo a escolha sendo de livre, não deve recair sobre parentes “por constituir razão objetiva de suspeição quanto ao real motivo da escola”, completa.

A decisão é finalizada relatando que “o chefe de poder não pode tratar a máquina pública como coisa privada e transformá-la em entidade familiar”.

Leia também:
1. Obras no asfalto da rua Iririú são retomadas em Joinville
2. Concursos públicos são abertos em Araquari; veja como se inscrever
3. Após 30 anos, hóspede de Joinville devolve cobertor a hotel com carta de arrependimento
4. Pico de demandas ao Samu: região de Joinville é segunda com mais chamadas durante festas de fim de ano
5. Corpo é encontrado no mar em São Francisco do Sul


Assista agora mesmo!

Casarão Neitzel é preservado pela mesma família há mais de 100 anos na Estrada Quiriri, em Joinville:

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo