+

Mulher suspeita de matar marido em Joinville alega legítima defesa

Corpo do homem foi encontrado na residência nesta terça-feira

Mulher suspeita de matar marido em Joinville alega legítima defesa

Corpo do homem foi encontrado na residência nesta terça-feira

Yasmim Eble

A esposa do homem de 38 anos, encontrado morto no bairro Boa Vista, em Joinville, na última terça-feira, 5, confessou o crime à polícia. Em depoimento, na última quarta-feira, 6, ela alegou legítima defesa. 

Segundo o delegado responsável pelo caso, Dirceu Silveira Junior, a suspeita confessou que utilizou uma marreta e uma faca. O crime teria acontecido entre a segunda-feira, 4, e a terça-feira, 5. 

A mulher, de 38 anos, contou que teria matado o marido após o casal discutir na madrugada de terça-feira, 5. Durante a briga, ele teria tentado sufocá-la com um travesseiro e por conta disso, reagiu o agredindo com uma marreta e uma faca. 

“O casal não tinha histórico de violência doméstica e nenhuma acusação havia sido feita, mas durante o depoimento ela relatou que ele foi agressivo outras vezes”, explica o delegado. 

Com o depoimento da suspeita, serão ouvidas novas testemunhas e outras provas serão coletadas para confrontar a versão dela. A mulher não foi presa e responde em liberdade.  

Um inquérito policial foi instaurado para apurar o crime e uma equipe de perícia foi até o local para coletar evidências.

Leia também:
Joinvilense viaja o Brasil para fotografar mulheres e quebrar padrões de beleza; conheça história
VÍDEO – Meteoro super brilhante de tom verde é registrado no céu de Joinville
Sorocaba, cantor sertanejo, vai palestrar na Expogestão 2022; saiba tema
Goleiro Cássio, do Corinthians, almoça em Guabiruba dois dias após classificação na Libertadores
Homem tenta invadir estabelecimento comercial, mas é morto por proprietária em Santa Catarina

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo