Proprietária da última casa na orla de praia em Itapema relata “assédio” do mercado imobiliário

Ilda conta que perdeu as contas de quantas propostas foi abordada

Proprietária da última casa na orla de praia em Itapema relata “assédio” do mercado imobiliário

Ilda conta que perdeu as contas de quantas propostas foi abordada

Redação

*Por: André Groh

Ilda Berthier, de 83 anos, é a proprietária da última casa na orla da praia do Centro de Itapema, no Litoral Norte. Ela relata que não consegue mais mensurar a quantidade de de solicitações de venda que já recebeu do mercado imobiliário.

A gaúcha construiu o sobrado no ano de 1985, quando ainda morava em Passo Fundo (RS). A história da casa é dividida por períodos, onde por primeiro foi o destino da família para veraneio, e há 14 anos passou a ser residência fixa de Ilda.

Neste período, ela viu o mercado imobiliário em Itapema expandir, de uma fase onde a estrada em frente a sua casa não tinha pavimentação sequer, até tornar-se a última propriedade unifamiliar na orla da praia do Centro.

Durante sua construção, mensalmente Ilda se deslocava de Passo Fundo para acompanhar a evolução da obra pessoalmente, o que perdurou entre março e novembro de 1985. “Ficava em hotel, às vezes em casa de gente conhecida. Meu marido Arthur (em memória) mostrava a casa para nossos amigos, e se gabava que nunca tinha feito uma obra que não lhe incomodasse. Eu que cuidei de tudo”, lembra.

Ilda relata que nunca fez questão de ouvir nenhuma proposta. O assédio foi tanto que, há poucos meses, sentiu a necessidade de colocar uma placa no seu jardim, indicando que a casa não está à venda.

Desde que foi construída, a casa foi palco de diversos momentos e eventos da família principalmente, o que confere um valor afetivo inestimável para a gaúcha. “É uma época saudosa, vinha a família inteira para passar natal e ano novo. Aqui sou alegre e feliz. Passei anos morando sozinha, e hoje meu neto Pedro mora comigo. Nunca senti solidão nem tristeza”, finaliza.

Leia também:
A verdade por trás da traição da Ana: entenda história de outdoor que chamou atenção em SC
Saiba o que indica a previsão do tempo em Joinville para esta terça-feira
Motorista de aplicativo é preso suspeito de estuprar adolescente durante corrida no Litoral Norte
VÍDEO – Cartazes que acusam assédio moral, racismo e homofobia são colados em muro de escola de Brusque
Atritos: vice-governadora não fala com deputadas apoiadoras do presidente Bolsonaro em SC

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo