+
Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - [email protected]

Com confiança em vitória na região Sul, Bolsonaro ainda não instalou núcleos da campanha no RS, SC e PR

Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - [email protected]

Com confiança em vitória na região Sul, Bolsonaro ainda não instalou núcleos da campanha no RS, SC e PR

Raul Sartori

Confiança
Bolsonaro tem mesmo muita confiança em sua vitória em SC, Paraná e Rio Grande do Sul. Tanta que seu comitê de campanha decidiu criar núcleos regionais e deixou a região Sul de fora, pelo menos por enquanto. Reforçará os já em funcionamento no Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo e no Nordeste, onde seu desempenho nas pesquisas eleitorais não é bom.

Pressão
A advogada Sílvia Waltrick Bernardi, que faz parte da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SC), relata que o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Moacir Sopelsa (MDB), está sendo alvo de uma campanha digital para que rejeite o pedido de instauração de uma CPI para investigar a menina de 11 anos que fez um aborto legal depois de ter sido violentada em Tijucas.

“Revisão extraordinária”
O governador Carlos Moisés determinou à Procuradoria-Geral do Estado que entre na Justiça contra o aumento das passagens de ônibus intermunicipais, de 17,39% para o serviço urbano e 16,14$ para o serviço rodoviário. Alegou que o momento é de aperto e que o governo acabou de baixar o imposto sobre combustíveis para ajudar a combater a inflação. “Todos precisam fazer a sua parte”, afirmou. Menos, talvez, a Agência de Regulação de Serviços Públicos de SC (Aresc) que aprovou o reajuste. Alega ter feito uma “revisão extraordinária” por causa do aumento do preço do diesel, dos dissídios coletivos e de outros custos. Se a moda pega….

Telhado de vidro 1
O conhecido padre Júlio Lancellotti, que atua junto à comunidade que vive nas ruas da cidade de São Paulo, criticou cartaz exposto em vários locais de Blumenau alertando as pessoas para que não deem esmolas. Mas o que dizer das igrejas, inclusive a católica, à qual pertence o religioso, que se “protegem” instalando pesadas grades em suas laterais e entradas, para evitar que virem “dormitórios” para os sem teto?

Telhado de vidro 2
A propósito, em fevereiro passado o mesmo padre acusou Tubarão de praticar aporofobia, o desprezo por pobres. Teria feito em referência a um banco instalado no calçadão central da cidade sulina no qual os acentos são separados com madeiras, não por motivos estéticos, interpretou-se, mas sim para evitar que seja usado por moradores de rua para dormir.

Pesquisa
A decisão de instalar uma de suas escolas bilíngues em Itapema levou a rede canadense Maple Bear fazer, antes de tudo, intensa pesquisa sobre o município, de 69 mil habitantes, detectando que além de ter elevado potencial de consumo e alta regularidade das vendas no ano, tem uma taxa de escolarização de crianças de 6 a 14 anos de 98%. Sua rede tem 15 escolas de ensino fundamental e quatro de ensino médio.

Tal pai…
Filha do ex-nadador florianopolitano Fernando Scherer, Isabella Scherer gosta de um holofote como ele. Grávida dos gêmeos Bento e Mel, compareceu na mídia nas últimas horas dizendo que usa remédio via vaginal porque não está conseguindo fazer xixi.

Bem-vindo
A Abrasel-SC celebra a abertura do primeiro restaurante popular de Florianópolis, inaugurado no último sábado, na avenida Mauro Ramos, no centro da Capital. Para Juliana Mota, presidente da entidade, a iniciativa é mais que bem-vinda: “Principalmente por promover uma alimentação adequada, saudável, com segurança sanitária e a um preço acessível à população de baixa renda”.

Violência
Foi uma violência cívica a inacreditável decisão de uma juíza gaúcha considerar que o uso da bandeira nacional seria propaganda eleitoral durante a campanha. O TRE gaúcho reagiu a tempo, decidindo que ela não é objeto partidário. Perguntar não ofende: alguém sabe de alguma medida judicial contra uma ativista que se deixou filmar defecando sobre nossa bandeira durante uma recente manifestação e fazendo questão de exibir-se em rede social?

Museu interditado
Não surpreende a interdição do magnifico Museu Nacional do Mar, em São Francisco do Sul, por falta de manutenção estrutural. Às vezes mais, noutras menos, sempre foi descuidado desde o início. E quem não se conformou com isso certa vez foi o navegador Amir Klink, que retirou de lá uma de suas famosas embarcações. Voltou mais tarde, mas com uma réplica de sua relíquia. O museu é fantástico: abriga 103 embarcações de tamanho natural, 109 modelos, 105 peças de artesanato, mais de 4.300 fotos e 500 selos, além de livros, revistas, equipamentos, maquetes, mapas, cartas náuticas e plantas de embarcações.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo