+

Saiba quantas ocorrências foram atendidas pela PM em Joinville e região no dia da eleição

Operação Eleições mobilizou mais de 200 policiais

Saiba quantas ocorrências foram atendidas pela PM em Joinville e região no dia da eleição

Operação Eleições mobilizou mais de 200 policiais

Brenda Pereira

A Polícia Militar encerrou o dia de votação com 43 ocorrências atendidas na 5ª Região da Polícia Militar, que engloba Joinville, São Francisco do Sul, Araquari, Barra do Sul, Barra Velha, São João Itaperiú, Garuva e Itapoá.

A Operação Eleições mobilizou mais de 200 policiais em toda a região. Conforme repassado pela polícia, foram registradas apenas situações pontuais, sem gravidade.

Ocorrências em Joinville

Durante a manhã, no bairro Boa Vista, em Joinville, um jovem que estava votando e declarando voto no candidato Lula foi denunciado. Porém, segundo relatório policial, ele saiu do local quando a polícia chegou.

No bairro Nova Brasília, por volta das 9h15, uma mulher teria causado tumulto em uma seção eleitoral no bairro Nova Brasília. Ela relatou aos policiais que o voto dela não teria sido confirmado na urna eletrônica. Um termo circunstanciado foi registrado e a mulher foi levada à Polícia Federal.

Por volta das 10h, uma eleitora relatou problemas com a urna eletrônica em uma seção no bairro Bucarein. Segundo a Polícia Militar, a mulher relatou que teria conseguido votar em deputado federal, estadual, senador e governador. Porém, ao votar para presidente, o voto teria sido anulado. A situação foi analisada pela justiça eleitoral e registrada em ata.

Ainda pela manhã, no bairro João Costa, três crianças foram avistadas balançando bandeiras de propaganda de um candidato a deputado federal, a mais de 100 metros de um colégio eleitoral. Segundo a Polícia Militar, não foi identificado oferta de dinheiro ou boca de urna. O responsável pelas crianças entregou as bandeiras, que foram apreendidas pela polícia conforme orientado pela juíza eleitoral.

Por volta das 10h30, no bairro Fátima, os policiais encontraram santinhos espalhados em frente à escola Professor Edgar Monteiro. Os materiais foram recolhidos.

Já por volta das 12h15, a Polícia Militar recebeu uma denúncia de que dois homens estariam discutindo dentro de uma escola no bairro Jarivatuba. Eles foram embora antes da chegada dos policiais.

No bairro Comasa, um eleitor foi votar e já constava no sistema que o voto dele havia sido computado. Porém, ele ainda não tinha ido até a seção. Segundo a Justiça Eleitoral, a suspeita é de que houve equívoco da mesa.


Saiba tudo sobre os resultados das Eleições 2022:

1. Assista programa ao vivo com apuração dos votos e análises
2. Acompanhe plataforma de apuração dos votos
3. Últimas notícias


– Assista agora:
Região de Joinville já era habitada há 10 mil anos: conheça os quatro povos anteriores à colonização

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo