+

Laudo detalha morte das mulheres encontradas esquartejadas em Balneário Barra do Sul

Lusimar Laus e Liliane da Silva estavam desaparecidas desde março

Laudo detalha morte das mulheres encontradas esquartejadas em Balneário Barra do Sul

Lusimar Laus e Liliane da Silva estavam desaparecidas desde março

Isabel Lima

O laudo pericial sobre a morte de Lusimar Laus, de 61 anos, e Liliane da Silva, 49, que foram encontradas mortas em Balneário Barra do Sul, aponta que as vítimas morreram com golpes na cabeça. Os corpos foram encontrados esquartejados e enterrados no quintal de uma casa na cidade, no dia 20 de maio.

Conforme o laudo, os golpes na cabeça causaram traumatismo craniano que levou à morte de Lusimar e Liliane. Elas estavam desaparecidas desde março. Porém, apenas no fim do mês de maio os corpos foram encontrados, esquartejados e enterrados em um cemitério clandestino. Junto às duas, um cachorro foi encontrado decapitado.

A investigação da Polícia Civil indica que elas foram mortas no mesmo local e, ao mesmo tempo. Segundo a polícia, o suspeito do crime foi preso. Ele não tem relação de parentesco com as vítimas, mas os três já se conheciam.

A motivação do crime ainda não foi esclarecida pela polícia, que segue as investigações.

Despedida

Nas redes sociais, familiares publicaram mensagens de despedida as vítimas. “Meus Amores. Mãe e Chicrininha (uma cachorra). Nunca imaginei que iria chegar esse momento de me despedir de vocês. Sempre tão receptivas uma não largava a outra, eram almas gêmeas. Descansem em paz juntas. Eu Amo vocês”, escreveu a filha de Lusimar.

Uma familiar também confirmou que o sepultamento de Liliane ocorreu no dia 23 de maio, no cemitério municipal de Barra do Sul.

Leia também:
1. De dicas de look a dancinhas: conheça joinvilense de 2 anos que faz sucesso nas redes sociais
2. Bonde das Maravilhas se apresenta em Joinville; saiba onde e quando
3. Médico e presidente da Federação Unimed SC morre em Joinville
4. Margi Loyola é reeleita para mandato como presidente da Acij
5. Entregador de móveis é suspeito de estuprar adolescente em casa em São Bento do Sul


Assista agora mesmo!

Região de Joinville já era habitada há 10 mil anos: conheça os quatro povos anteriores à colonização:

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo