Prefeitura de Joinville planeja passar administração da UPA Sul para organização social

Modelo administrativo é utilizado no Hospital Infantil de Joinville

Prefeitura de Joinville planeja passar administração da UPA Sul para organização social

Modelo administrativo é utilizado no Hospital Infantil de Joinville

Redação

A Prefeitura de Joinville divulgou nesta quinta-feira, 23, que pretender repassar a administração da Unidade de Pronto-Atendimento Sul, no bairro João Costa, para uma organização social (OS), ou seja, uma entidade privada.

A Secretaria da Saúde publicou uma Convocação Pública para a qualificação de OS que atuem na área. O objetivo é realizar a qualificação de entidades que se enquadrem nos critérios previstos na legislação vigente para futura concorrência de edital para gerenciamento da UPA Sul.

“Este é o primeiro passo para um futuro processo de contratação de uma Organização Social para otimizar os serviços prestados pela UPA Sul. Ainda estamos trabalhando no termo de referência do edital, mas a etapa da qualificação é muito importante”, explica Andrei Kolaceke, secretário da Saúde de Joinville.

A convocação detalha todos os requisitos necessários para qualificação, incluindo documentação e composição. A requisição deverá ser realizada por meio do Portal de Autosserviços, no site da Prefeitura de Joinville, até às 17h do dia 29 de julho de 2022. Somente as Organizações Sociais devidamente qualificadas poderão participar do futuro processo licitatório.

“É importante ressaltar que com a gestão por meio de Organização Social, todos os serviços continuarão sendo oferecidos por meio do SUS, sem nenhuma cobrança de valores à população, a exemplo do bem-sucedido modelo do Hospital Infantil”, pontua o secretário.

Em contrapartida, o Sinsej (Sindicato dos Servidores Públicos) afirma que esta é sindicato uma forma de privatizar o serviço público, quando o correto seria abrir um concurso para aumentar o número de servidores e melhorar o atendimento, aponta o sindicato.

Nos últimos meses, o Sinsej já vinha se posicionando contra este tipo de parceria administrativa entre poder público e entidades privadas, principalmente no Hospital São José. O sindicato acredita que há intenção da prefeitura em precarizar o serviço hospitalar, a fim de repassá-lo a iniciativa privada por meio das parcerias com Organizações Sociais (OS).

Leia também:
– Ordem de serviço para pavimentar ruas de Joinville é entregue; confira quais
– Parque dos girassóis de Joinville anuncia data da temporada de visitações; confira
– Hospital realiza aborto em menina de 11 anos vítima de estupro em SC
– Pai da menina Laurinha sofre acidente de carro em Gaspar
– Beto Carrero é eleito terceiro melhor parque de diversões do mundo por site especializado


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município Joinville. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo