Justiça mantém prisão de torcedor acusado de tentativa de homicídio em Joinville

Outras 11 pessoas também respondem ao processo

Justiça mantém prisão de torcedor acusado de tentativa de homicídio em Joinville

Outras 11 pessoas também respondem ao processo

Redação

Após audiência de custódia realizada nesta quinta-feira, 23, o Tribunal de Justiça (TJ-SC) manteve a prisão de um dos 12 membros de torcida organizada acusados de tentativa de homicídio contra um torcedor de outro time de futebol. Caso aconteceu em fevereiro deste ano.

Segundo os autos, a briga entre torcedores deixou um homem gravemente ferido. Ele teria sido atingido com uma barra de alumínio, além de socos e chutes. Caso aconteceu dentro de um bar, no bairro Aventureiro, em 20 de fevereiro deste ano.

Ao todo, 12 pessoas respondem ao processo. Destas, uma teve a ação penal trancada, três estão presas, uma foragida e as demais foram soltas.

Os acusados que receberam a concessão da liberdade devem cumprir restrições, como manter seus endereços atualizados; comparecer a todos os atos processuais; estão proibidos de frequentarem estádios, jogos de futebol, bares e similares; de manterem qualquer vínculo com a torcida organizada União Tricolor, inclusive profissional ou comercial, incluindo o acesso à sua sede ou participação em eventos por ela patrocinado.

Saiba mais:
 MP-SC determina suspensão da torcida União Tricolor, de Joinville, dos estádios
– Justiça concede liberdade para oito torcedores presos por tentativa de homicídio em Joinville
– Torcedores paraenses são agredidos por homens encapuzados em bar de Joinville

O crime

Na época, a proprietária do local relatou à Polícia Militar que as duas torcidas estavam em seu bar. Remo e Paysandu se enfrentaram naquele domingo, pelo Campeonato Paraense. Ela estava no caixa, quando os homens chegaram e falaram aos torcedores que estavam no bar retirarem as camisas ou eles morreriam. Posteriormente, as agressões começaram dentro do estabelecimento.

O grupo só teria parado depois que viu um homem no chão em estado grave. A vítima foi conduzida ao PA Leste e depois ao Hospital Municipal São José.

Leia também:
– Saúde de Joinville confirma 13º óbito por dengue em 2022
– Comerciante de Joinville é condenada a pagar R$ 1,1 milhão por uso indevido de software
 Projeto para agilizar desapropriação de terrenos em Joinville tramita na Câmara; entenda
– Dinheiro, máquinas e ferramentas são furtados em três estabelecimentos comerciais de Brusque
– Presidente Jair Bolsonaro se posiciona sobre aborto de menina vítima de estupro em Tijucas


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município Joinville. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo